Cadeira de Letras

01 - IRENE ZANETTE DE CASTAÑEDA

 Cadeira: 1
 Patrono: MONTEIRO LOBATO 

Doutorado pela USP em Literatura; Mestrado em Literatura e semiótica pela UNESP Araraquara; Publicação de 5 livros, três são os mais importantes. Estão  relacionados na súmula: 1- Contos Populares: Portugal, Brasil e São Carlos; 2- Proseando  Poeticamente e 3 - Procurando Poesias nas Estrelas. Recebeu três  troféus em concursos de poesia pelo Clube dos escritores de Piracicaba; premiada em 4 concursos, na categoria profissional no Clube dos Escritores de Piracicaba, onde é Academicus Praeclarus. Eleita e nomeada "Cônsul dos Poetas da cidade de São Carlos" pelo Movimento Poetas do Mundo. É sócia da Associação dos Funcionários Públicos desde 1988. Lecionou 25 anos em escolas estaduais. Hoje professora da Universidade Federal de São Carlos/SP. Leciona Literatura Infanto-juvenil; Estudos Clássicos com literatura Greco-romana, Semiótica aplicada ao ensino de Literatura, Semiótica da Canção e Semiótica Visual. Projetos sociais que coordeno: Contação de Histórias com incentivo à leitura, eliminação de preconceitos, resgate da auto-estima, resgate  dos valores humanos universais e incentiva à PAZ: Coordena  há mais de dez anos, em entidades assistenciais, escolas públicas municipais e estaduais, hospitais, asilos, creches (ver projetos sociais). Escreve semanalmente no Jornal Primeira Página de São Carlos.

 e-mail: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

02 -

03 - ANTÔNIO CARLOS DUARTE MOREIRA

 Cadeira: 3
 Patrono: MACHADO DE ASSIS

 ADVOGADO / JORNALISTA

Dr. Antônio Carlos Duarte Moreira tem Mestrado, Curso de Direito pela USP e é jornalista, com registro de trabalho para as áreas de   televisão, rádio e jornal. Sua experiência no associativismo brasileiro o tem revelado como um dos dirigentes mais atuantes junto a categoria do funcionalismo público. Seu trabalho no jornalismo é histórico, com importantes programas de rádio e televisão. Foi o criador do tablóide Folha do Servidor Público; da Coluna Diário do Servidor (no jornal Diário Associados), que por anos também foi publicada nos jornais Diário da Noite e Diário de São Paulo. Atualmente, participa da Coluna do Servidor, do Jornal dos Concursos. Ainda participa da   comunicação via web, em diversos sites e blogs. 
Sua atuação na AFPESP é de relevante destaque. De 2006 a 2009 foi o Presidente do Conselho Deliberativo. Em gestões anteriores foi 1º e 2º Vice-Presidente da Diretoria Executiva e por 12 anos Diretor de Associativismo. É autor do livro “A História da AFPESP em 66 anos”. Tem vários artigos e projetos da área do funcionalismo público.

 e-mail: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

04 - ANTONIO JOSÉ LAÉ DE SOUZA

 Cadeira: 4
 Patrono: GUIMARÃES ROSA

 DIREITO / ADMINISTRAÇÃO DE EMPRESA


Laé de Souza é cronista, dramaturgo, produtor cultural, autor e coordenador de vários projetos e ações de fomento à leitura em execução há dez anos em  todo o país, como "Encontro com o Escritor", "Ler é bom, Experimente!", "Lendo na Escola", "Minha Escola lê", "Leitura no Parque", "Dose de Leitura",  "Caravana da Leitura", "Minha Cidade lê", "Leitura não tem idade" e "Dia do Livro". 
Formado em Administração de Empresas (Universidade Camilo Castelo Branco) e em Direito (Faculdades Integradas de Guarulhos) tem   carreira no  funcionalismo público como Agente Fiscal de Rendas. Sua vocação para a literatura o fez desenvolver projetos pioneiros no Brasil. Laé conseguiu sozinho movimentar milhares de jovens, despertar o gosto pela leitura e pela criação de personagens. Com o primeiro projeto de repercussão "Encontro com o Escritor", percorreu milhares de salas de aulas envolvendo os   alunos na arte da redação, da criação do conto, poesia e da prosa. Faz parte da Academia de Letras de Jequié, do Grupo de Poetas da Vila Prudente e é Membro da Sociedade Brasileira de Autores Teatrias (UBE). Em 2009, entre várias atividades, levou à Praça da Sé, no dia 29 de outubro o projeto "Dia do Livro", com obras vendidas pelo valor simbólico de R$ 1,00. Esta atividade foi realizada em parceria com a Secretaria de Cultura do Município e com apoio do ProAC (Programa de Ação Cultural da Secretaria de Cultura do Estado de São Paulo).

"A idéa surgiu a partir do pensamento de criar um movimento literário que gerasse oportunidade de leitura a todos. Não acredito no estigma de que o brasileiro não gosta de ler, mas percebo que ele tem dificuldades de comprar livros, muitas vezes em função dos preços", argumenta o autor Laé de Souza.

 e-mail: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo. 

05 -

06 - ARITA DAMASCENO PETTENÁ

 Cadeira: 6
 Patrono: GUILHERME DE ALMEIDA

 LETRAS / PEDAGOGIA

Arita Damasceno Pettená é uma expressão da literatura paulista, sendo uma das escritoras mais requisitadas para escrever em revistas e jornais diverso do Estado. Tem formação em Letras Anglo Germânicas pela PUC de Campinas e também em Estudos Sociais e Pedagogia. A Profesora Arita Pettená é Poeta, como prefere a definição de sua arte principal, a Poesia. Também é Membro - Fundadora da Academia Campineira de Letras e Artes; vice-presidente da Academia Campinense de Letras; Fundadora da Academia de Letras, Ciências e Artes do Servidor Público; membro Honorário Academia Campineira Maçônica de Letras; presidente do Clube dos Poetas de Campinas; vice- Presidente da Casa do Poeta de Campinas; membro do Instituto Histórico e Geográfico e Genealógico de Campinas; membro do Clube dos 21 Irmãos Amigos de Campinas; oradora do Salão Internacional de Leitura Orientada e delegada da União Brasileira de Trovadores/Campinas. Participa do Movimento Poético Nacional e de São Paulo, ainda é conferencista e participante em inúmeros cursos e treinamentos na área educacional e cultural. Conselheira Vitalícia da AFPESP, edita mensalmente crônicas em diversos jornais da capital e interior. Tem 13 livros publicados, explorando todos os gêneros: contos, crônicas e poemas; bem como, inúmeras premiações no Brasil e no Exterior.

e-mail: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

07 - DUÍLIO BATTISTONI FILHO

 Cadeira: 7
 Patrono: GRACILIANO RAMOS

 ESPECIALIZAÇÃO EM LETRAS E ARTES

Realizou seus estudos fundamental e médio em Campinas e Tietê. Tendo ingressado na Faculdade de filosofia, Ciências e Letras da PUC - Campinas, onde cursou História. Na mesma Universidade fez vários cursos de aperfeiçoamento e especialização em Letras e Artes. Aprovado no concurso de títulos e provas ao magistério secundário e normal, lecionou História em diversas localidades como Cafelândia, Porto Feliz e Campinas, onde se aposentou. Regeu também a disciplina “Elementos de Estética e História da Arte”, na PUC-Campinas, além de ser, por duas vezes, Coordenador do Departamento de Educação Artística. Além de numerosos artigos e comentários sobre Arte e História em revistas especializadas, é autor dos seguintes livros: “Pequena História da Arte”; “Campinas - uma visão história”; “Estudos   Campineiros”, “Alguns aspectos da arquitetura urbana em Campinas”; “Pequena História das Artes no Brasil” e “Vida Cultural em Campinas”. Participou de diversos eventos artísticos, tendo recebido Menção Honrosa pelo seu trabalho “Arte e Educação” e o estudo sobre “A Cozinha Mineira na História do Brasil”, ambos outorgados pela PUC-Campinas. No setor de pesquisa recebeu o prêmio “Olho Latino”, outorgado pelo Museu de Arte Contemporânea de Campinas. Atualmente, é membro da Academia Paulista de História, Academia Campinense de Letras, Instituto Histórico e Geográfico de São Paulo e do Instituto Histórico Geográfico e Genealógico de Campinas.

 e-mail: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

08 - ACLIBES BURGARELLI

 Cadeira: 8
 Patrono: AUGUSTO DOS ANJOS

Desembargador aposentado/ Juiz de direito e Professor do Mackenzie. Formado pela Universidade de São Paulo - USP - Faculdade de Direito. Ingressou na magistratura em 1979, aposentando-se em 2004 na condição de Desembargador do Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo. Professor de Direito Empresarial da Faculdade de Direito da Universidade Presbiteriana Mackenzie, há 28 anos. Doutorado em Direito na Universidade Presbieteriana Mackenzie em 1995. Especialista nas áreas de Didáticas do Ensino Superior. Membroa da Academia Paulista de Letras Jurídicas.Presidente do Instituto Brasileiro de Arbitragem Médica. Assessor Jurídico da Associação dos Deficientes Físicos.

 e-mail: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

09 - HEBE C. BOA-VIAGEM A. COSTA

Cadeira: 9
Patrono: MANUEL BANDEIRA

Formação: Biblioteconomia (PUC de Campinas); Pedagogia e Ciências Sociais (USP); Direito (UniFIG) – Xerox dos diplomas

Profissão: Advogada (OABSP); Professora de Educação da rede estadual de ensino, aposentada.

Produção Literária: Participação em 26 antologias sendo duas na França e outra na Itália - Xerox das capas ( A italiana  lançada em novembro de 2012 e é bilíngue – em São Paulo 13/03/2013. Casa das Rosas);

Livros publicados (Xerox das capas e release de todos):

• Pois é!!! Cada um na sua – Infantil (2001);

• Elas, as pioneiras do Brasil – A memorável saga dessas mulheres (2005);

• Enfermeiras do Brasil – História das pioneiras (Em parceria com Victoria Secaf (2007 – 2ª. edição 2 010);

• Elas vieram de longe... – Séculos XIX e XX – organizadora (2009); 

• AH! Essas crianças – infantil (2010)

• Mestres (2011);

• Descobrindo o mundo – Tamanho não é documento (2012)

• Coletânea  (2012)

• Elles sont venues de loin... – org. editada na França - Yvelinedition (2012)

• Cose che succedono – Edizione Mandala – Milano-It  2013 

Colaboradora externa da Academia Paulista de Psicologia a partir de 2005 – São Paulo - Biografias de 10 patronos; Fernando de Azevedo /// Roger Bastide /// Roldão Lopes de Barros /// Milton da Silva Rodrigues // Laerte Ramos de Carvalho /// João Cruz Costa /// João Carvalhaes  /// Enjolras Vampre /// Candido Mota Filho /// Mario Yahn 

 Prêmios: 

• Prêmio literário 1º lugar – Colégio Culto à Ciência – Campinas (1945);

• Oradora oficial, por concurso, da Turma Sesquicentenário da Independência - Faculdade de Direito de Guarulhos SP (1973)

• Aprovada no Exame na Ordem dos Advogados do Brasil (OABSP) - Advogada OAB – 32.588 SP (1973) 

• Prêmio edição na Revista Jurídica “Coisas e Causas – Faculdade de Direito de Guarulhos- 1969  - O velho e a Lei Penal

• 2º. lugar -Concurso de Contos e Crônicas  AFPESP – (1996)

• Menção Honrosa - Concurso de Contos e Crônicas AFPESP –(2001)

• Participação na Antologia Mosaico de Letras – AFPESP - (2005) 

• Academie Merite et Devouement Français – Paris –Medaille  d’or – Elles sont venues de loin – org, (2012)

• ACIMA – Associazione Culturale Internazionale Mandala –Milano –Italia - Menzione d’onore – sezione ORO –Um caso insólito –(2012)

• Associação Internacional de Escritores e Artistas Literarte – Cabo Frio –RJ – Troféu Claudio de Sousa – Melhores Livros Internacionais – Elles sont venues de loin (2012)

• Prêmio de Arte e Literatura  Interarte – Goiana Go – Biografia da Condessa Belmonte (10/11/2012).

• Assembleia Legislativa de São Paulo – Recebi o Prêmio Super Oscar dos Vencedores de 2012.

• Convite para o lançamento da Antologia Bilíngue Vozes & Voici – Milano Italia, com um conto “Um caso inusitado” – Medalha de Ouro.

E-mail: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo. 

Formação: Biblioteconomia (PUC de Campinas); Pedagogia e Ciências Sociais (USP); Direito (UniFIG) – Xerox dos diplomas
Profissão: Advogada (OABSP); Professora de Educação da rede estadual de ensino, aposentada.
Produção Literária: 
• Participação em 26 antologias sendo duas na França e outra na Itália - Xerox das capas (A italiana  lançada em novembro de 2012 e é bilíngue – em São Paulo 13/03/2013. Casa das Rosas);
• Livros publicados (Xerox das capas e release de todos):
• Pois é!!! Cada um na sua – Infantil (2001);
• Elas, as pioneiras do Brasil – A memorável saga dessas mulheres (2005);
• Enfermeiras do Brasil – História das pioneiras (Em parceria com Victoria Secaf  (2007 – 2ª. edição 2 010);
• Elas vieram de longe... – Séculos XIX e XX – organizadora (2009); 
• AH! Essas crianças – infantil (2010)
• Mestres (2011);
• Descobrindo o mundo – Tamanho não é documento (2012)
• Coletânea  (2012)
• Elles sont venues de loin... – org. editada na França - Yvelinedition (2012)
• Cose che succedono – Edizione Mandala – Milano-It  2013 
• Colaboradora externa da Academia Paulista de Psicologia a partir de 2005 – São Paulo - Biografias de 10 patronos; Fernando de Azevedo /// Roger Bastide /// Roldão Lopes de Barros /// Milton da Silva Rodrigues //Laerte Ramos de Carvalho /// João Cruz Costa ///  João Carvalhaes  /// Enjolras Vampre /// Candido Mota Filho /// Mario Yahn 
Prêmios: 
• Prêmio literário 1º lugar – Colégio Culto à Ciência –Campinas (1945);
• Oradora oficial, por concurso, da Turma Sesquicentenário da Independência - Faculdade de Direito de Guarulhos SP (1973)
• Aprovada no Exame na Ordem dos Advogados do Brasil (OABSP) - Advogada OAB – 32.588 SP (1973) 
• Prêmio edição na Revista Jurídica “Coisas e Causas – Faculdade de Direito de Guarulhos- 1969  - O velho e a Lei Penal
• 2º. lugar - Concurso de Contos e Crônicas  AFPESP – (1996)
• Menção Honrosa - Concurso de Contos e Crônicas AFPESP –(2001)
• Participação na Antologia Mosaico de Letras – AFPESP - (2005) 
• Academie Merite et Devouement Français – Paris –Medaille  d’or – Elles sont venues de loin – org, (2012)
• ACIMA – Associazione Culturale Internazionale Mandala –Milano –Italia - Menzione d’onore – sezione ORO –Um caso insólito –(2012)
• Associação Internacional de Escritores e Artistas Literarte – Cabo Frio –RJ – Troféu Claudio de Sousa – Melhores Livros Internacionais – Elles sont venues de loin (2012)
• Prêmio de Arte e Literatura  Interarte – Goiânia Go – Biografia da Condessa Belmonte (10/11/2012).
• Assembleia Legislativa de São Paulo – Recebi o Prêmio Super Oscar dos Vencedores de 2012.
• Convite para o lançamento da Antologia Bilíngue Vozes & Voici – Milano Italia, com um conto “Um caso inusitado” – Medalha de Ouro.

10 - JOÃO BAPTISTA DA SILVA

 Cadeira: 10
 Patrono: OLAVO BILAC

 BACHAREL EM DIREITO

Bacharel em Direito pela Faculdade de Itu, é mineiro de Três Pontas e morador ilustre de Indaiatuba. Escreve desde 1970, participou de vários concursos literários. Seus poemas já foram publicados em coletâneas nos Estados: Rio Grande do Sul, Rio de Janeiro e São Paulo. Colunista do jornal “Democrata de Indaiatuba” e colaborador por mais de 10 anos do Jornal “Tribuna de Indaiá”. Ainda ativo no serviço   público, é Analista Técnico na Secretaria de Negócios Jurídicos da Prefeitura de Indaiatuba. Sua experiência literária o fez fundador da Academia Indaiatubana de Letras (extinta) e da Federação Brasileira de Entidades Trovistas (Vila Velha /ES). Tem sua obra publicada em jornais, revistas, antologia literárias, trovas etc. Pela Editora Litteris, do Rio de Janeiro, participou da coletânea “Escritos para um novo Milênio” e na AFPESP, mostrou seu talento no V Concurso de Poesias, Contos e Crônicas.

 e-mail: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

11 - MARIA CECÍLIA GRANER FESSEL

 Cadeira: 11
 Patrono: CECÍLIA MEIRELES

 

PROFESSORA
 

Com formação em Ciências Naturais, Maria Cecília descartou a possibilidade de pós graduação para dedicar-se exclusivamente ao ensino médio e à vida familiar. Introduziu nos colégios onde lecionou, intensa atividade prática com os alunos do segundo grau, com uso constante  dos laboratórios, observação “in locu” de diversos ecossistemas, através de excursões e de visitas à universidades. 
Realização de feiras de Ciências, estimulando nos alunos o gosto pela Biologia e pelo método científico. Apesar de sua formação científica, manteve o gosto pela literatura que vinha desde a infância, tendo ganho seu primeiro concurso ao   descrever uma festa de Natal, com 10 anos de idade, para o “Jornal de Piracicaba”. 
Aos 16 anos publicou seu primeiro poema no mesmo matutino. Após a aposentadoria, filiou-se a grupos literários de Piracicaba, passando   a publicar regularmente suas crônicas, contos e poemas nos jornais da cidade. 
Tem contos e poemas selecionados e premiados em várias coletâneas. Participou como jurada de vários concursos literários, como o Prêmio Escriba de Poesia e Campanhas escolares anti-fumo. 
Em 2006 recebeu o Diploma de Mérito, outorgado pela Câmara Municipal de Piracicaba, como escritora.
Participa dos grupos literários CLIP – Centro Literário de Piracicaba, e eventualmente acompanha estudos patrocinados pelo SESC, na atividade “Poesia ao Vento”. Também colabora com textos temáticos ilustrados, solicitados pelo COLP – Grupo Oficina Literária de Piracicaba.
Colaboradora do blog: clip.centroliterariopiracicaba.blospot, atualmente com uma coletânea virtual de poemas natalinos.
Prepara seu primeiro livro “Enredamentos”, com poemas e crônicas sobre os muito laços, através dos quais as pessoas se entrecruzam ao longo da vida...

 e-mail: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

12 - MARIA LÚCIA PINHEIRO PAES

 Cadeira: 12
 Patrono: CLARICE LISPECTOR

 

LITERATURA / LIVROS DIDÁTICOS / POESIA

Nasceu em Ibitinga, SP, e reside em São Paulo desde 1969. É mãe e avó. Entre outros, fez o Curso Normal – 1951, Especialização em  Educação Pré-Primária – 1958, Administração Escolar – 1967, Pedagogia – 1971 e Pós-Graduação em Supervisão e Currículo – 1980. Ocupou vários cargos e funções no Magistério Público do Estado de São Paulo: professora de Escola Isolada (na roça), de Classe Pré-Escolar, Coordenadora Pedagógica, Assistente de Diretor, Diretora e aposentou-se no cargo de Supervisora de Ensino – 1984.
É membro da União Brasileira de Escritores – UBE, desde 1982, do Instituto Genealógico Brasileiro, desde 1987 e da Academia de Letras, Ciências e Artes da Associação dos Funcionários Públicos do Estado de São Paulo, desde 2005.
LIVROS PUBLICADOS: A Série “Meu Prézinho – 1ª, 2ª e 3ª Fases – Prontidão para Alfabetização - Livros Didáticos – Editado pela Ed. Lótus – SP – 1973 e reeditado pela Ed. Ática – SP de 1985 a 1996 (23 anos na mídia); “Executiva em Riso e Lágrima” – SP – Livro Reportagem – 1982; “13 Contos Suburbanos” – SP – Contos – 1985; “O Cão e o seu Menino” – SP – Infantil – 1988;“Anotações Familiares” – SP – Genealogia – 1991;“O Desafio de Carlota” – SP – Romance sobre envelhecimento saudável – 2004;“Saudade Rima com Blindagem?” – SP – Contos e Crônicas Memorialistas – 2006;“Paulo Setúbal – O Poeta Contador de Histórias” – SP – Biografia – 2008
PARTICIPAÇÃO NA EDIÇÃO DE LIVROS: Em 2 Antologias de Poesias, Contos e Crônicas: Poetismo Brasileiro – SP – 1997 e 1998;
Na Série São Paulo de Perfil: “Ó Freguesia, Quantas Histórias”  nº 23 – 2000 e “Viagem ao Sol Poente” nº 18 – 2001 – SP – Organização: Cremilda Medina – ECA/USP;
Na Antologia de Contos e Crônicas: “Livre Pensador” – SP – 2004; Na Antologia de Contos:  “Mosaico de Letras” – AFPESP – SP – 2005;
Na Antologia de Contos e Poesias: “Elo de Palavras” – SP – 2008; Na Série: “O Conto Brasileiro Hoje” – SP – Contos – RG Editores – Desde o vol. II – 2006, ao vol. XII – 2009.
COLABORAÇÃO EM JORNAIS E REVISTA: “Revista Pedagógica Brasileira” – De 1971.1974, com 30 Artigos sobre Educação Pré-Escolar;
Jornal “O Comércio” – Ibitinga – SP – 1978 e 1979;
“Jornal dos Professores” – CPP – SP – 1981 a 1990;
Jornal “Reproposta – Dos alunos da Universidade Aberta a Terceira Idade” -  ECA/USP - SP – 1998 a 2003;
Na Revista da Associação dos Funcionários Públicos do Estado de São Paulo – AFPESP, a partir de 2005 com algumas Crônicas e Poesias: “Delícias e Desditas de Uma Avó” ; “O Natal de Cada Um”; “A Escola de Nossa Infância” – e outros.

 e-mail: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

13 - LUIZ BRUNER DE MIRANDA

 Cadeira: 13
 Patrono: PAULO SETÚBAL

Atualmente é Professor Colaborador Sênior no Departamento de Oceanografia Física, Química e Geológica do Instituto Oceanográfico da   USP.

 FORMAÇÃO ACADÊMICA E ÁREA DE CONHECIMENTO

Licenciado em Física pela Faculdade de Ciências e Letras da USP, em setembro de 1965. Professor Doutor em Ciências pelo Instituto de Física da Universidade de São Paulo, apresentando tese “Propriedade e Variáveis Físicas das Águas da Plataforma Continental do Rio Grande do Sul”, em Setembro de 1972. Professor Livre-Docente - Departamento de Oceanografia Física, Instituto Oceanográfifo da USP, tese defendida em outubro de 1982 com título “Massas de Água da Plataforma Continental entre o Cabo de São Tomé (RJ) e a Ilha de São Sebastião (SP). Professor Adjunto-Departamento de Oceanografia Física, Instituto Oceanográfico da USP, em dezembro de 1983. Professor Titular - Departamento de Oceanografia Física do Instituto Oceanográfico da USP. Concurso e defesa de Memorial em outubro de 1985. Carreira no INSTITUTO OCEANOGRÁFICO da USP e ATIVIDADES.  Detalhes podem ser obtidos na Plataforma Lattes do Conselho Nacional de Pesquisas (CNPq) :http://lattes.cnpq.br/3549684862777680

ARTIGOS PUBLICADOS COMO AUTOR E EM CO-AUTORIA: 60 artigos

 E-mail: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

 

14 - MÁRIO BASACCHI

 Cadeira: 14
 Patrono: MARIO DE ANDRADE

 LICENCIADO EM HISTÓRIA E FILOSOFIA

Mário Basacchi tem origem italiana e está radicado no Brasil há mais de 50 anos. Licenciou-se em História pela Universidade de São Paulo (USP), aprofundando-se em Filosofia pela Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Mogi das Cruzes e em Pedagogia pela Faculdade de Educação “Farias Brito”. Professor de Francês, Geografia, História, Sociologia e Filosofia dedica-se à educação dos jovens. 
Também é tradutor e autor de várias obras. Poliglota, compreende muito bem o francês, alemão, italiano e português. Estudou francês em Saint Laurent Sur Sèvre (França) e alemão em Shewabisch Hall (Alemanha). 
Participa de vários simpósios e seminários no Brasil e exterior. Tem poema publicado na Antologia de Poetas Brasileiros Contemporânes, organizados por Waldir Ribeiro do Val. Além de inúmeras obras, que como educador, são publicadas pelas editoras Paulinas, Edicon, Scortecci e Vivere In. Na sua juventude, conviveu com os irmãos das Escolas Cristãs de São Gabriel. Uma de suas obras mais citadas no meio pedagógico é a “Origem das Datas Comemorativas”, da Editoras Paulinas. 
Publicou seu primeiro romance com o título “O choro de um inocente”.
Outros livros publicados em 2009: “Sul de Minas – Recordações”; “A Serva de Deus: Madre Maria de Lourdes de Santa Rosa” e “Reciclázaro” (das ruas à cidadania), todos pela Editora Edicon.
Recebeu o 1º lugar em concurso literário da AFPESP, com o conto “O Tesouro do Brejo”, em 2000. Duas menções honrosas nos concursos promovidos pela Revista: “Poesia para todos”, Homenagem a “Christopher Reeve”  e o “Adeus de  Mikhail Gorbatchov” à Raísa.

e-mail: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

15 -

16 - NÉLSON MALHEIRO

 Cadeira: 16
 Patrono: EUCLÍDES DA CUNHA

Nélson Malheiro é filho de José Malheiro (Severo) e Rosa Mendes da Silva Pinto, nasceu no dia 25/4/1926, em Conchas, SP, onde fez o curso primário; iniciou o ginasial em Botucatu no Colégio Diocesano, passando para 2ª série do GE e Escola Normal “ Plínio Rodrigues de   Morais”, em Tietê, SP, onde se formou professor normalista em 1947; em 1948, por concurso de títulos foi nomeado, em estágio probatório, professor da Escola Masculina do Bº Pau d’Alho, em Lins, SP, de onde foi  removido, por concurso em 1950, para o então GE ”Senador Flaquer”, em São Caetano do Sul; removido por concurso em 1954 para o GE” Cel. José Garcia “, em P. Alves; deste saiu no mesmo ano nomeado, também por concurso de provas e títulos, Diretor Efetivo do Grupo Escolar de Gralha, em Lucianópolis, com a função  de Auxiliar de Inspeção do município; foi ainda, sempre por concurso de títulos, diretor das seguintes escolas: GE de Álvaro de Carvalho, onde foi Auxiliar de Inspeção do município; 2º GE de Pederneiras; GE de Cardoso; GE “Professora. Adelaide Moura Bastos” em   Martinópolis onde foi também Auxiliar de Inspeção do Município; GE “Maria do Carmo Pompeo Castro”, em Garça; GE e Geg ” Joaquim   Rodrigues Madureira”, em Bauru; dirigiu em comissão os GE “ Prof. Henrique Bertolucci” e “Prof. Luiz “Castanho de Almeida”, quando foi extinto o Grupo Escolar do qual era efetivo, ambos em Bauru; EESG” Antonio Berreta”, em Itu, e EESG “Prof. Rubens de Faria e Souza”, em Sorocaba, onde se aposentou em 23/7/1982.
Fez os seguintes Cursos e Seminários de Estudos: dois cursos sobre conservação do solo, sendo um na Escola Técnica de Agricultura, em São Manoel, em regime de internato por um mês; Curso de Administradores Escolares, em dois anos, em Bauru; Curso de Bacharelado em Direito; Licenciatura em Pedagogia, em Bauru, com habilitações para o magistério e administração escolar de 1º e 2º graus; Seminário Continental de Educação-Capital, SP; Curso de Atualização para o Pessoal Técnico-Administrativo; Curso Sobre o Novo Código Civil; II – Seminário de Direito Comercial.

Realizou ainda as seguintes atividades e trabalhos:

1. Conselheiro do Centro do Professorado Paulista;
2. Diploma de Diretor do CPP;
3. Aulas sobre Instituições Escolares no Curso de Professores Orientadores dos Programas de Alimentação Escolar, da Campanha Nacional de Alimentação Escolar;
4. “Instituições Auxiliares da Escola” – Palestra proferida no CNAE (Campanha Nacional de Alimentação Escolar) em Bauru;
5. Registrado no MEC, sob nº 2.873, como Especialista de Educação, de acordo com Certificado expedido em 21/5/1975; 
6. Foi inscrito na OAB SOB Nº 28.267;
7. Participação no “Concurso Talentos da Maturidade” do Banco SANTADER - Categoria: Literatura (poesia);
8. É sócio do CPP, desde 10/01/1966;
9. É sócio da Associação dos Funcionários Públicos do Estado de São Paulo, admitido em 05/9/1961, sob nº 67 798;

Tem os seguintes livros editados pelas Editoras: Scortecci e Ottoni: 

1) No Além da Luz; (poesia);
2) Homo Est Regalum Dei; (poesia)
3) 500 Anos de uma Classe Dominante Divorciada da Nação; (poesia)
4) O Eterno Ser, A Hipóstase e Outros Poemas; (poesia)
5) Do Poeta a Inspiração, Do Mestre as Lições e Outros Poemas; (poesia)  
6) O Soneto, A Perfeição e Outros Poemas; (poesia)
7) Chance à Vida, o Artesão e Outros Poemas; (poesia)
8) Em Busca de Raízes – (história de Conchas) em pareceria com Daniel Crepaldi;
9) Criação e Evolução, A Beleza do Átomo e Outros Poemas; (poesia)
10) Saga do Povo Hebreu (em prosa) e o Massacre de Jericó. (em verso).

 e-mail: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

17 - DR. MARIO SANTORO JUNIOR

Cadeira: 17 
Patrono: Cruz e Sousa

Graduado em Medicina pela Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de Misericórdia de São Paulo (FCMSCSP), especialista em Pediatria e Medicina do Adolescente. É doutor em Medicina, na área de concentração em Pediatria, pela Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (FMUSP). Sua atividade pública foi iniciada no Hospital dos Servidores Públicos do Estado de São Paulo. Trabalhou em vários hospitais públicos e dirigiu alguns, tendo sido superintendente estadual da Fundação de Seguridade Social e presidente da Unimed Paulistana/Sociedade Cooperativa de Trabalho Médico. No governo estadual atuou na Secretaria do Menor, auxiliando na fundação da Rede Criança, programa de prevenção e tratamento de crianças vítimas de maus-tratos e de abuso sexual, tema de sua tese de doutorado. Ocupou vários cargos públicos, entre eles a presidência da Sociedade de Pediatria de São Paulo e a presidência do Comitê de Direitos da Criança e do Adolescente. Também foi Presidente da Sociedade Brasileira de Pediatria. É membro Titular da Academia Brasileira de Pediatria - onde atualmente exerce a Presidência - e também é membro Titular da Academia de Medicina de São Paulo. É membro Titular da Sociedade Brasileira de Médicos Escritores (Sobrames), Regional de São Paulo. Tem inúmeros trabalhos publicados na literatura nacional e internacional, e é editor de vários livros na área, além de ter proferido inúmeras conferências e palestras.

 e-mail: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

18 - ROSA MARIA BRITTO COSENZA DE OLIVEIRA

 Cadeira: 18
 Patrono: JORGE AMADO

 PROFESSORA / ADVOGADA
 

Rosa Maria Britto Cosenza de Oliveira tem Doutorado e Mestrado em Letras (Unesp), licenciatura em línguas neolatinas e direito. A pedagoga e advogada fez Ciências Sociais no Instituto Latinoamericano de Doctrina y Estudios Sociales – Ilades (Chile)e dois estágios   sobre  Língua e Civilização Francesa nas Universidades de Aix-en-Provence e Sorbonne Nouvele (França). Aposentada do magistério ainda leciona Lingüística no Curso de Letras e Linguagem Forense no Curso de Direito no Centro Universitário Moura Lacerda (Ribeirão Preto/SP). É coordenadora e leciona Didática nos cursos de Pós-Graduação (Ensino a Distância) na Faculdade de Educação São Luís (Jaboticabal/SP).  
É membro do Conselho Municipal de Cultura (Ribeirão Preto), União Brasileira de Escritores, Academia Ribeirãopretana de Letras Jurídicas etc. 
Recebeu o título de cidadã emérita pela Câmara Municipal de Ribeirão Preto. É vice-presidente da Associação dos Cidadãos Ribeirãopretanos e eméritos, coordenadora nacional de literatura do Proyecto Cultural Sur e diretora cultural da Associação Brasil/Grécia.
Pertence à Ordem dos Velhos Jornalistas e à Diretoria do Centro de Professorado Católico de Ribeirão Preto, como Oradora.
Publicou diversas crônicas, contos, artigos científicos e de artes e antologias de poemas.

 e-mail: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

19 - ROSEMEIRE APARECIDA TREBI CURILLA

 Cadeira: 19
 Patrono: COELHO NETO

 PEDAGOGIA

Rosemeire Trebi Curilla possui licenciatura plena em Pedagogia pela UFSCar, Magistério das Disciplinas Pedagógicas de Segundo Grau pela UNESP-Araraquara, Especialização em Educação Infantil e Gestão Escolar pela UFSCar e Mestrado em Gestão de Organizações e Sistemas Públicos pela UFSCar. Pedagoga da Universidade Federal de São Carlos desenvolve atividades no Núcleo de Formação de Professores, assumindo a coordenação dessa Unidade Multidisciplinar de ensino, pesquisa e extensão em setembro de 2016. Tem experiência na área de Educação, atuando principalmente nos seguintes temas: educação, formação de professores, cultura, literatura brasileira, literatura infanto-juvenil, poesia.

Coordenadora do Projeto de Extensão Universitária "Vivenciando a Poesia", que integra o Eixo 2 - Fomento à leitura e à formação de mediadores do Plano Nacional do Livro e Leitura (PNLL), desenvolve atividades de incentivo à leitura e à escrita em escolas, bibliotecas e eventos que promovem o livro e a leitura. Possui três livros publicados, quatorze participações em Antologias Literárias, capítulos de livros, artigos completos e resumos em Anais de Congressos Científicos. Premiada em concursos literários, cronista em jornais do Município de São Carlos e membro de comissão julgadora de concursos literários.

 e-mail: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

 

20 - RUBEM COSTA

 Cadeira: 20
 Patrono: VICENTE DE CARVALHO

 JORNALISTA / ADVOGADO
 

O livro “3 contos de réis e outras histórias” lhe deu notoriedade entre os escritores e leitores, bem como a página “Estante & Prelo”, que   editou no jornal “Diário do Povo”. É um dos fundadores da Academia Campinense de Letras, sendo ex-Presidente da instituição.  
Natural de Campinas (SP)
Filho de Rubem Augusto da Costa e Olímpia Carvalho Costa
Professor, advogado, jornalista e escritor
Iniciou-se, desde cedo, no jornalismo, fundando e dirigindo, quando ainda estudante a revista “Palmeiras”, de Campinas. Aos dezoito anos   de idade, já integrava o corpo de redatores do "Diário do Povo" de Campinas. Em 1939, quando das comemorações do “Bicentenário de Campinas”, exerceu o cargo de diretor do Departamento de Divulgação do evento.Em 1941, passou a ocupar o cargo de Assistente-   Supervisor do Departamento de Imprensa e Relações Públicas da, então, Empresas  Elétricas Brasileiras ( atual Companhia Paulista de   Força e Luz )
Em 1943, ingressou na carreira do magistério estadual como professor de português. Fez carreira. Foi diretor de escolas oficiais de grau médio no Estado de São Paulo, inspetor regional do ensino secundário e normal e, finalmente, em 1969, o primeiro diretor da, então, recém criada V Divisão Regional de Educação (Campinas), cargo que exerceu até 1975.
Formado em direito pela Universidade de São Francisco Crítico literário, fundou e dirigiu, no período de 1963 a 1965 a página “Estante & Prelo”, publicada aos domingos no jornal “Diário do Povo” de Campinas.
Foi um dos fundadores, em 1971, da Academia Campineira de Letras e Artes.
De 2001 a 2006, presidente da Academia Campinense de Letras, onde é titular da cadeira nº 17.
Presentemente, como jornalista, assina coluna cativa no jornal “Correio Popular” de Campinas
Livros Publicados: “Cantigas do anoitecer” - 1996( Julex Livros Ltda.);
“Colheita no tempo” – 1998- (Editora Komedi);
“Amor, caminhos e descaminhos” – 2000 - (Editora Átomo );
“3 contos de réis e outras histórias" – 2003- (Editora Komedi ).
O escritor Rubem Alves, em seu site pessoal, há seis anos, já assim o descreve: “Língua solene é coisa de políticos e advogados. É preciso ir ao encriançamento das palavras, palavras-brinquedo, palavras bolhas-de-sabão... Rubem Costa é assim. Menino de 84 anos. Escritor. Escreve brinquedos. Lê-lo é alegria, leveza”.

 e-mail: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.